Home Empresa Touros Videos Notícias Fale Conosco
 
 
    JMT Al Pacino

Supremo Grande Campe„o Nacional de Rķsticos 2017.
    JMT Nanda

Grande Campe„o Expointer e Miss South America 2016.
   JMT Netto

   JMT Nato

   Grande Campeão da Exposição Nacional de Brangus ExpoLondrina 2013

O JMT Neto 9011Y9 TE sagrou-se grande campeão da Exposição Nacional de Brangus ExpoLondrina 2013.
    Grande Campeão Exposição    Nacional de Dourados - 2010

Don Mano 6429, Grande Campeão - Exposição Nacional da Raça Brangus de Dourados - 2010 .
>> Veja mais
    Grande Campeã da Raça da Expointer 2010.

A Brangus JMT Katita 7138, sagrou-se Campeã Terneira Maior e logo após, Grande Campeã da Raça da Expointer 2010.
>> Veja mais
Links Interessantes
 
Cambará Remates
Central Leilűes
Igen Consultoria AgropecuŠria
Cort Genťtica Brasil
Tecnopec
ABS
Lagoa da Serra
Alta VR
Assoc. Brasileira de Brangus
Assoc. Argentina de Brangus
Assoc. Americana de Brangus
Gensys
USP
 
 
 


A Expofeira é para todos
27/09/2007

Evento oferece mais do que remates. Público pode conferir feira de indústria e comércio

JÚLIA PITTHAN

Leilão da raça brangus vendeu ontem os 80 touros expostos. Hoje, ocorre remate de crioulos Animais rústicos ou de argola, venda por leilão ou no shop. Brangus, angus, nelore, devon, jersey. Cotação do gado de corte, financiamento, parcelamento. O mundo do agronegócio pulsa intensamente durante os dias de Expofeira. Prova disso foram os bons resultados obtidos ontem no 7º Leilão brangus da JMT Agropecuária: todos os animais que entraram na pista foram vendidos. O preço médio por touro foi de R$ 4,9 mil. Os valores mais altos ficaram por conta dos reprodutores de 3 anos: R$ 6 mil cada, arrematados logo no início do leilão. As 150 fêmeas leiloadas também foram negociadas. Mas a Expofeira não é apenas para quem conhece os termos específicos ou transita pelo mundo do agronegócio. No Centro de Eventos da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), há uma série de atrações que agradam a todos, mesmo os que não conhecem muito bem a economia rural. Al√©m dos shows, que encerram as noites - est√£o previstos tr√™s at√© domingo, quando o evento termina - , h√° op√ß√Ķes de gastronomia na pra√ßa de alimenta√ß√£o e de ind√ļstria e com√©rcio no pavilh√£o das pequenas empresas. Vestu√°rio, artesanato, produtos coloniais e utens√≠lios para a casa podem ser encontrados nas feiras que funcionam no Centro de Eventos. Ontem √† noite, ocorreu o primeiro show art√≠stico da feira. Para conferir o som de Lisandro Amaral, o p√ļblico compareceu no palco armado junto √† pra√ßa de alimenta√ß√£o. Ainda h√° atra√ß√Ķes musicais programadas para hoje e amanh√£ √† noite, com a presen√ßa de Nelinho e Grupo Fandangueiro e de Cesar de Oliveira e Rogerio Melo. Para quem gosta das tradi√ß√Ķes campeiras, tamb√©m h√° op√ß√Ķes na grade de programa√ß√£o. Os animais j√° est√£o no Centro de Eventos para serem observados de perto. H√° provas de campereadas, demonstra√ß√Ķes com cavalos domados e de c√£es da ra√ßa border collie. As chinchilas tamb√©m integram uma categoria de premia√ß√£o e ser√£o julgadas durante a manh√£ de s√°bado. Embalados pelo bom momento da agropecu√°ria, os organizadores da Expofeira esperam superar os R$ 1,435 milh√£o obtidos no ano passado com a venda de animais em pelo menos R$ 500 mil. Al√©m do recorde de bichos inscritos, que √© de 1.418, o pre√ßo do boi est√° bem cotado: R$ 2,40 o quilo em m√©dia, de acordo com o √ļltimo levantamento da Emater na regi√£o. Em outubro de 2006, o quilo do boi vivo oscilava em torno de R$ 1,90. Escolas - Amanh√£ √© o dia reservado aos col√©gios que quiserem levar alunos para visitar a Expofeira. De acordo com Armando Ribas, um dos organizadores da feira, cerca de mil estudantes j√° est√£o inscritos, mas ainda √© poss√≠vel fazer agendamentos. Antecipando a data reservada para os estudantes, os primos C√°ssio e Augusto Malezan, ambos com 12 anos, acompanharam os pais no remate da JMT. De chap√©u e botas, eles transitaram entre as arquibancadas do pavilh√£o de leil√Ķes com pose de gente grande e observaram os touros na pista. - A gente vem quase todo o ano passear. Al√©m dos animais, a pra√ßa de alimenta√ß√£o e os estandes de com√©rcio s√£o sempre conferidos - declarou Augusto.

( julia.pitthan@diariosm.com.br )